Jessica Rules The Dark Side, de Beth Fantaskey

08 março 2013 |

Livro: Jessica Rules The Dark Side | Autor: Beth Fantaskey
Editora: Harcourt Children's Books | Páginas: 320
Para Jessica Packwood, descobrir que era uma princesa vampira já foi um choque e tanto. Mas isso não foi nada comparado com o que está por vir. Agora, casada com o príncipe Lucius Vladescu, ela tem que subir ao trono e convencer uma nação de vampiros que ela está apta a ser sua rainha. Mas Jessica mal consegue pedir uma refeição decente de seus vassalos em seu castelo romeno, quanto mais lidar com seus traiçoeiros súditos mortos-vivos que mal podem esperar por sua queda. Quando Lucius é acusado de assassinar um dos Anciões e aprisionado sem o sangue de que tanto precisa, Jessica se vê sozinha e lutando pela sobrevivência de ambos. Desesperada para limpar o nome de seu marido e livrá-lo da prisão, Jess conta com a ajuda de sua melhor amiga Mindy Stankowicz e do misterioso primo italiano de Lucius, Raniero Lovatu – mas ambos parecem esconder segredos sombrios. Será que Jess saberá em quem confiar e conseguirá subir ao poder antes de perder tudo, inclusive o vampiro que ama?

Eu achei Jessica Rules The Dark Side traduzido enquanto passeava pelas internets da vida, e acabei colocando no celular e lendo durante o Carnaval. E eu não gosto de escrever sobre esses ebooks - que muitas vezes são mal traduzidos (e nem estou incentivando a leitura de livros piratas, vamos deixar claro), mas eu precisava divulgar meu descontentamento com a burrice da Jessica/Antanasia.

Ela e Lucius se casaram, e agora ele está sendo acusado de matar um vampiro Ancião com o qual tinha discutido menos de 24hrs antes do assassinato. Alguém está jogando sujo para roubar o trono romeno. E o problema é que a Antanasia confia EM TODO MUNDO! Isso me irritou o livro todo, e por fim eu já estava tão revoltada que estava torcendo pro vilão, sério.

Vilão esse que não é 'a pessoa mais improvável do mundo'. Eu não sabia como a pessoa estava fazendo tudo aquilo praticamente sem deixar rastros, mas achei bem óbvio quem estava fazendo. 

Uma outra coisa sobre o livro é que ele é totalmente diferente do primeiro, em alguns momentos nem parece ser uma série. O primeiro era divertido, os protagonistas eram "pessoas normais", dois adolescentes na escola vivendo dramas de adolescente. Já o segundo é sombrio do início ao fim, eles precisam governar um reino cheio de traição e sangue, é muito tenso. É estranho e ainda não decidi se gostei dessa mudança no contexto. Sei lá, acho que deveria ter ficado no primeiro..
desenvolvido por letícia santos © 2010 - 2015 | voltar ao topo