Filme - Jogos Vorazes

26 março 2012 |

SPOILERS! Eu não sabia como começar essa resenha porque estava tão empolgada durante o filme que tenho medo de ter deixado passar muitos detalhes. Bem, eu adorei Jogos Vorazes, é claro. Repeti o quanto o filme é perfeito várias vezes desde então.

Mas, tudo bem, perfeito é uma palavra muito forte. Tem sim uma coisa ou outra de que não gostei. Não gostei da mudança na história do broche. Eu entendo que a explicação levaria um certo tempo, e que haviam coisas mais importantes para mostrar nesse tempo, mas senti falta da Madge e não achei legal. Também, achei os ferimentos do Peeta e da Katniss muito superficiais. Além disso, achei o banho de sangue pouco violento. Sim, a classificação etária não permitia, eu entendo. Mas crueldade e violência fazem parte dos Jogos, afinal. Apesar de tentarem compensar isso com as cenas do Snow, o que eu gostei bastante. E, mais do que tudo, não gostei da Cornucópia.



Mas todo o resto foi maravilhoso. Jennifer e Josh nasceram para ser Katniss e Peeta. Gritei na entrevista do Peeta, adorei a química entre Jen e Josh, e super entendi porque ele amou a cena da caverna - é, eu também amei. Não teve como não rir da cara do Gale nas poucas cenas em que ele apareceu sendo corno. O Cato foi um ótimo vilão da arena (apesar de percebermos pelo seu discurso que ele também era uma vítima) e, bem, o vilão mais bonito de todos os tempos. Me apaixonei pelo Haymitch e pelo Cinna instantaneamente. E pela Rue. Todas as vezes que a Rue apareceu me deu vontade de abraçá-la e de chorar. E eu chorei demais na última cena dela.

Não gostei muito dos efeitos especiais do fogo no Desfile, mas adorei a sala dos Idealizadores. Também adorei as conversas entre Snow e Seneca. E a cena final do Seneca. E eu acho que no final o Peeta deveria descobrir que a Kat só estava jogando.

Uma coisa que eu deixei passar durante o filme foi a trilha sonora. Dividi minha atenção entre a cenas e as legendas, e só. Mas estou completamente apaixonada por Eyes Open e a ouço umas cem vezes por dia.

Enfim, o filme é incrível. Super indico, é claro - e os livros também!

E agora todos chora, porque falta mais de um ano para Em Chamas.

desenvolvido por letícia santos © 2010 - 2015 | voltar ao topo